Contribuição Sindical

Contribuições da Indústria 

 

Todo o trabalho da CNI é possível graças às contribuições das indústrias de todo o país.

 

Contribuição sindical

 

 

Esta modalidade de contribuição incide sobre o capital social da empresa e está dividida em faixas.

 

Confira os valores definidos para 2017

 

Do montante arrecadado com a contribuição sindical 60% ficam com o sindicato que representa a categoria – mesmo se a empresa não for sindicalizada – enquanto o Ministério do Trabalho recebe 20% e a federação estadual da indústria do estado em questão 15%. À CNI cabem 5% do total. Na ausência do sindicato porém a federação fica com 60% o Ministério do Trabalho com 20% e a CNI com 20%.

 

A contribuição sindical está prevista nos artigos 578 a 591 da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). De natureza tributária é recolhida compulsoriamente pelos empregadores em janeiro de cada ano e pelos trabalhadores em abril de cada ano. O artigo 8º IV in fine da Constituição da República prescreve o recolhimento anual por todos.

 

Compete ao Ministério do Trabalho expedir instruções referentes ao recolhimento e à forma de distribuição da contribuição sindical.

 

 

 

Tabela de contribuição sindical 2017

Tabela de contribuição sindical 2016

Tabela de contribuição sindical 2015

Tabela de contribuição sindical 2014

Tabela de contribuição sindical 2013

Tabela da contribuição sindical 2012

Tabela da contribuição sindical 2011

Tabela da contribuição sindical 2010

Tabela da contribuição sindical 2009

Tabela da contribuição sindical 2008

Tabela da contribuição sindical 2007

Tabela da contribuição sindical 2006

Tabela da contribuição sindical 2005

Tabela da contribuição sindical 2004

Av. Dr. Carlos Rodrigues da Cruz, 826 - Edf. Albano Franco - Centro Administrativo Dr. Augusto Franco Aracaju/SE CEP 49081-015 Telefones : 55 (79) 3226-7400 (Pabx) - 55 (79) 3226-7476 (Direto)